Simple Plan encerra turnê pelo Brasil com o maior show da América do Sul

Por: Beatriz Dias

Fotos: Arielle Frioza
Fotos: Arielle Frioza

Mesmo após cinco vindas ao nosso país e um intervalo de três anos para o lançamento de um CD inédito, a banda canadense Simple Plan lota o Credicard Hall em São Paulo, na noite do dia 18, trazendo sua mais nova turnê Get Your Heart On!

VEJA A GALERIA DE FOTOS DO SHOW

Minutos antes do show, o local estava enfeitado com bexigas verde e amarela, homenagem dos fãs brasileiros aos seus ídolos. O público pedia em uníssono que Simple Plan subisse aos palcos. O show estava previsto para ter início às 21h30, porém foi atrasado em meia hora.

Finalmente luzes se apagam e um de seus maiores sucessos começa a tocar: Shut Up. Pierre Bouvier (vocal), Jeff Stinco e Sebastien Lefebvre ( guitarristas), Chuck Comeau (baterista) eDavid Desrosiers (baixista) formam a banda que completa uma década de sucessos entre os adolescentes de anos atrás e os mais atuais.

Fotos: Arielle Frioza
Fotos: Arielle Frioza

Uma bandeira do Brasil é jogada ao palco, e Pierre a pega no ar. “Vocês nos fazem sentir que aqui é nossa segunda casa”, emociona-se o vocalista ao ver a casa de shows repleta de fãs. “Acredito que esse é o maior público para o qual tocamos nessa turnê na América do Sul”.

Com tantas visitas ao nosso país, eles até soltam algumas palavras em português e o guitarrista Jeff Stinco, arranha uma Bossa Nova em suas cordas elétricas.
Simple Plan tocou sucessos de todos os seus CDs, desde os mais antigos como Jump, Your Love Is a Lie, When I’m Gone até os mais recentes como Jetlag, Astronaut e seu último single Summer Paradise. Também fizeram covers de “I Gotta a Feeling”, de Black Eyed Peas;“Dynamite”, Taio Cruz e “Moves Like Jagger”, de Maroon 5.

Uma das horas mais emocionantes do show, certamente foi em “This Song Saved My Life”, quando muitos levantaram suas placas que tinham escritas “My Life”, dizendo que aquela música havia salvado suas vidas.

Por volta das 23h, eles saem do palco, porém todos sabem que mais estaria por vir. Chuck, o baterista, volta correndo ao palco com uma bandeira do Brasil, e a batida de “Seven Nation Army”, é tocada no baixo.

A última parte desse grande evento é iniciada com “Loser of The Year”. Depois, com luzes mais baixas, Pierre fica sozinho no palco, com seu violão e toca versões acústicas de“Everytime” e “Untitled”.

“Perfect” encerra a visita dos canadenses em nosso país e assim como todas as outras bandas que nos visitam, saem com as melhores impressões do público apaixonado por seu trabalho.

Set List:
1. Shut Up
2. Can””t Keep My Hands Off You
3. Jump + I Gotta Feeling
4. When I””m Gone
5. Addicted
6. You Suck at Love
7. Thank You
8. Your Love Is a Lie
9. Astronaut
10. Moves Like Jagger / Dynamite / Sexy And I Know It
11. Jet Lag
12. Summer Paradise
13. The Worst Day Ever / When I””m With You / My Alien / You Don””t Mean Anything / God Must Hate Me
14. This Song Saved My Life
15. Welcome to My Life
16. I””d Do Anything

Bis
17. Loser of the Year
18. I””m Just a Kid
19. Everytime
20. Untitled
21. Perfect

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.