Palco Sunset encerra seu line-up com homenagem aos 450 anos do Rio

Foto/Crédito: Instagram do Rock in Rio
Foto/Crédito: Instagram do Rock in Rio

Hoje a tarde na coletiva de imprensa realizada em Ipanema, foi anúnciada a última atração do Palco Sunset. Alcione, Buchecha, Davi Moraes, Fernanda Abreu, Gabriel O Pensador, Léo Jaime, Maria Rita, Roberta Sá e Wilson Simoninha no mesmo palco, acompanhados por uma big band. Assim será o show que encerra as apresentações do Palco Sunset, no dia 27 de setembro, na sexta edição brasileira do Rock in Rio. O palco, famoso por realizar encontros inusitados, vai inovar mais uma vez e reunir ritmos – chorinho, samba, hip hop, rock, pop, funk e MPB – em um show que celebra os 450 anos do Rio de Janeiro. No repertório, canções que retratam a história da Cidade Maravilhosa e mostram o suingue do carioca.

A banda será completa com 12 metais (saxofone, sax, trompete e trombone), com arranjos de Jessé Sadock -, além de baixo, bateria, guitarra, percussão. Configuradas com o repertório, a cenografia será com imagens do fotógrafo Marcos Hermes, que serão exibidas nos três telões do palco. São imagens que retratam o Rio de Janeiro em sua pluralidade, da zona sul à zona norte, mostram o carioca, através de retratos humanizados, e apresentam símbolos bem característicos da cidade. “O biscoito Globo, o mate de galão da praia, as pessoas pegando o trem na Central do Brasil, a orla carioca, da zona sul à zona oeste, e o Rio da zona norte e do subúrbio são só alguns exemplos de como será o cenário desse show que estamos preparando para fechar o Palco Sunset nesta edição do Rock in Rio”, afirma Zé Ricardo, diretor artístico do palco. As fotografias terão intervenções do artista plástico René Machado.

Curiosidade sobre o show de 450 anos

O Palco Sunset é conhecido por misturar vários estilos. Nessa edição não será diferente. Ainda sobre o show de 450 anos, Maria Rita e Alcione, por exemplo, vão tocar juntas pela primeira vez. “Gosto de reunir grandes artistas do mundo num conceito único. Davi Morais, que esteve presente em todos os Rock in Rio, vai tocar Assanhado, de Waldir Azevedo, por exemplo. Será um medley com Brasileirinho, música que em 1985 ele tocou no bandolim aos 11 anos”, lembra Zé Ricardo.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário