Motley Crüe lota Credicard Hall em São Paulo após quase 30 anos de espera

Por: Claudia Skobelkin

Fotos: Marcelo Rossi/T4F
Fotos: Marcelo Rossi/T4F

A banda de hard rock Motley Crue, formada por Vince Neil ( vocal), Nikki Sixx (baixo), Mick Mars, ( guitarra) e Tommy Lee ( bateria) e ícone do glam rock dos anos 80,se apresentou na última terça-feira,17, no Credicard Hall, em São Paulo. O show de abertura ficou por conta da banda Buckcherry, que tocou por quase meia hora e conseguiu levantar a platéia.

Após 30 anos de estrada e sem uma única passagem pelo Brasil, o Motley Crue não só lotou o Credicard Hall, como também mostrou que o hard rock está mais vivo do que nunca.

VEJA GALERIA DE FOTOS DO SHOW

O espetáculo começou às 23h e reuniu fãs de todas as idades , desde as fanáticas que eram adolescentes na década de 80 e que priorizaram o visual poser ( calça de oncinha, blusa transparente e muito glitter), até jovens , groupies e alguns cinquentões.

O show contou com muita empolgação por parte da banda e também da platéia. A troca de energia entre ambos era visível. Vince Neil cantava e pulava sem parar e ia em todas as direções do palco, enquanto interagia com o público. Tommy Lee saiu da bateria no meio do show e foi para a frente do palco conversar com os fãs.

“Eu quero ver o rosto de vocês por alguns minutos, pois é a minha primeira vez aqui””, afirmou o baterista após entregar de presente uma garrafa de Whisky para um fã que estava na pista. ””Passe adiante, pois essa bebida é para vocês e eu comprei uma garrafa grande”” , confirmou Lee.

Nikki Sixx praticamente não saiu do lugar durante o show, mas tem uma presença de palco incrível e toca baixo como poucos, o cara tem atitude.

O grupo executou clássicos como “Too Young To Fall In Love”, “Dr.Feelgood”, “Home Sweet Home” , “Girls, Girls, Girls”” e deu prioridade para um set list clássico, mostrando aos fãs brasileiros músicas de cada fase da banda. Das músicas recentes, só entrou no repertório “Saints of Los Angeles”, do disco homônimo.

Não houve incidentes durante o show e também não faltou comida ou bebida. O que reinou foi apenas rock and roll, diversão e paz.

 

Sem o figurino exagerado dos anos 80 e utilizando poucos acessórios com bandanas e calças de couro, a banda nem se preocupou com os efeitos especiais. Não precisava. O grupo mostrou um show de rock visceral, limpo, rasgado e competente, com qualidade de som impecável e excelente.

A turnê sul-americana da banda incluiu o Chile, o Brasil e ainda passa pela Argentina.

Set-list:
Wild Side
Saints of Los Angeles
Live Wire
Shout at the Devil
Same Old Situation
Primal Scream
Home Sweet Home
Don”t Go Away Mad (Just Go Away)
Guitar Solo
Dr. Feelgood
Too Young to Fall in Love
Ten Seconds to Love
Smokin” In The Boys Room
Girls, Girls, Girls
Kickstart My Heart

Bis:
Looks That Kill
Set-list Buckcherry:
Dead
Rescue Me
All Night Long
Everything
Oh My Lord
It”s a Party
Next 2 You
Lit Up
Slammin”
Lawless & Lulu
Sorry
Crazy Bitch

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.