Lollapalooza Brasil: Volbeat tem sua estreia no Brasil com direito a show energético no palco Onix

Por: Flavia Carvalho
Foto: Camila Cara | T4F

Sob o olhar atento de um público que ainda estava começando a chegar ao festival, nessa sexta-feira 23, a banda dinamarquesa Volbeat iniciou seu show no Lollapalooza com os acordes de The Devil’s Bleeding Crown e, pela reação do vocalista Michael Paulsen ao ver os fãs, que estava mais próximo ao palco, cantando, pulando e até abrindo rodinhas, era notável o sentimento de surpresa misturado com gratidão. Cheio de carisma, o líder da banda não poupou elogios ao público, que recebeu os caras com muitos aplausos.

Apesar de ser mais conhecidos dos fãs de Heavy Metal e não tanto do público geral, os caras do Volbeat foram, aos poucos atraindo mais olhares curiosos para o palco Onix e conseguiram, gradativamente, aumentar a energia do show, que contou com hits como Heaven nor Hell, For Evigt e Still Counting, que fez os fãs pularem e cantarem junto. Paulsen perguntou, ao fim do show, se o público havia curtido e se eles poderiam voltar, ao receber a resposta positiva da galera, o vocalista emendou “Quando? Amanhã? Hoje, mais tarde?” tamanha a empolgação e gratidão que sentiu.

Para quem não pôde ir ao show, o jeito é esperar a próxima vinda da banda o Brasil, e a gente espera que eles voltem em breve mesmo, porque os caras mandam muito. Além do vocalista e guitarrista Michael Paulsen, a banda tem como integrantes o Jon Larsen, bateria e percussão, o ex Anthrax, Rob Caggiano, na guitarra solo e o Kaspar Boyle Larsen no baixo e backing vocal.

Setlist completo Volbeat no Lollapalooza:
1. The Devil’s Bleeding Crown
2. Heaven nor Hell/ A Warrior’s Call/ I Only Want to Be with You
3. Lola Montez
4. 16 Dollars
5. Sad Man’s Tongue
6. Slaytan
7. Dead but Rising
8. Seal the Deal
9. For Evigt
10. Black Rose
11. Still Counting


VEJA GALERIA DE FOTOS DO SHOW:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.